Terça-feira, 22 de Novembro de 2011

Eu bem tento não me alienar totalmente do mundo e dos nossos tempos e agarrar-me a uma réstia de comunhão sócio-cultural, mas a tarefa dos snobes é muito facilitada com a programação televisiva que nos atropela diariamente.

Primeiro, gostava que alguém tivesse a simpatia de me explicar porque é que temos 675 programas sobre gordos. De certeza que não bastava um? E os tais dos encantadores de cães? Não podem limitar-se a ter um blogue com os contactos para o caso de se dar a emergência de sermos abocanhados e não termos uma espingarda ali à mão?

Como se isto não fosse suficiente, acabei de tropeçar num reality show para noivas cujo objectivo é ir acumulando plásticas, semana a semana, para que a vencedora suba ao altar completamente remodelada.

O que me preocupa mais não são os gordos, os maluquinhos dos donos dos cães ou as infelizes das noivas. O que me preocupa é que todos eles têm uma audiência. E isso, meus amigos, já é coisa para me fazer questionar a democracia. Porque esta gente tem direito de voto.

publicado por Laura Abreu Cravo | partilhar
E-mail
lauraabreucravo@gmail.com
pesquisar neste blog
 
arquivos

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2012

Novembro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

subscrever feeds